LEUCOCITOSE - ENTENDA O QUE É E SE É PREOCUPANTE OU NÃO!

Após algum tempo sem publicar artigos no meu blog, recentemente me vi na obrigação de denunciar uma prática antiética que vem se tornando comum nas emergências dos hospitais privados! As recomendações e dicas que darei aqui, serão de extrema utilidade para qualquer paciente com febre que procure um serviço de emergência, independente do hospital ou do estado brasileiro em que ele se encontre! 


É uma prática que tem se tornado cada vez mais preocupante e descontrolada, e percebo que muitas pessoas vem sendo gravemente prejudicadas, sem que se dêem conta disso! Conheço muitos casos de paciente que foram seriamente lesados, devido a tratamentos altamente agressivos por conta de doenças que não tinham, outros que fizeram cirurgias desnecessárias e até casos de pacientes que tiveram que ser internados em UTIs, tudo por conta de um erro de interpretação de um simples hemograma, cuja única alteração era uma  LEUCOCITOSE! 

Mas o que é LEUCOCITOSE afinal, e qual a gravidade disso?

Quando alguém apresenta febre ou dor e vai a uma emergência de hospital, dois exames têm se tornado obrigatórios (ainda que desnecessários) e são solicitados a todos os pacientes, sejam adultos ou crianças: HEMOGRAMA e PCR (Protéina C reativa). Às vezes, vemos também ser solicitado o VHS (velocidade de hemosssedimentação), junto com os dois primeiros!

Em primeiro lugar, são exames que não deveriam ser solicitados a todos os pacientes, pois sua utilidade é bastante limitada, mas, infelizmente, acabaram virando fonte de ganhos para médicos "espertos demais"! São exames  muito limitados, por se tratarem de marcadores altamente inespecíficos de infecção, o que significa que um aumento de leucócitos e /ou um aumento nas taxas de PCR e VHS não indicam, necessariamente, a existência de  infecção, apesar de muitos médicos (os  "espertos demais") quererem convencer as pessoas que sim!

Pequenos aumentos nessas taxas podem ocorrer em pessoas sadias, sem nenhuma doença, principalmente durante a menstruação, em casos de gravidez e após exercícios físicos intensos

Já os grandes aumentos, podem ocorrer em pessoas com um simples resfriado ou uma outra virose qualquer (Lembrando que os sintomas de uma virose nem sempre incluem coriza, entupimento nasal ou tosse! Uma pessoa com virose pode ter apenas febre e dor abdominal, por exemplo!), e essas viroses não têm tratamento, pois se curam sozinhas em 5 a 7 dias, independentemente da pessoa tomar dez tipos diferentes de remédio, ou não tomar nenhum! Além disso, não podemos esquecer os possíveis erros de exame (exames mal colhidos, aparelhos mal calibrados) e as alterações que o exame pode sofrer  caso o paciente esteja desidratado (ou com outra alteração passageira no sangue)! As possibilidades de erro são infinitas!

Portanto, qualquer médico que tenha o mínimo de ética (e honestidade), sabe que se a pessoa tiver um aumento de leucócitos no sangue (LEUCOCITOSE), ainda que seja muito grande, e/ou alteração nas taxas de PCR e VHS, mas não tiver mais nada (nenhuma alteração em outros exames e nenhum sinal clínico de infecção grave) a conduta mais correta é apenas acompanhar e orientar o paciente! No máximo, repetir o exame após 5-7 dias (em alguns casos, um mês pode ser necessário para normalização das taxas)!

Sendo assim, a prática sistemática que tenho assistido em um grande hospital privado daqui do Distrito Federal, que consiste em prescrever potentes antibióticos e internar pacientes apenas por causa de um simples aumento de leucócitos no sangue, é uma prática CRIMINOSA! Esses médicos estão ganhando vantagens para internar pacientes e não estão nem um pouco preocupados com a saúde dessas pessoas! 

prática de oferecer vantagens para médicos que internam mais e pedem mais exames, foi recentemente denunciada em reportagem de capa da folha de São Paulo (confira no link: Hospitais premiam médicos que indicam mais exames - FOLHA DE SÃO PAULO ) e é corrente e bastante comum aqui no Distrito Federal, sendo feita de forma sistemática e deliberada nesse hospital que citei no início do artigo e, certamente, também é feita em muitos outros hospitais do país!

Infelizmente, os pacientes não têm discernimento para entender os riscos que correm ao fazer uso de antibióticos mal prescritos e de como eles sofrem com os efeitos colaterais destes remédios! Se eles soubessem, se recusariam a toma-los! 

Antibióticos estão, sem dúvida, entre os mais perigosos  medicamentos que existem no mercado, pois além de  causar problemas para o fígado, estômago, intestinos e rins, eles também podem favorecer o aparecimento de infecções bacterianas e fúngicas! Parece um contrassenso, mas um antibiótico prescrito de forma errada, pode favorecer uma pneumonia grave, uma pielonefrite (infecção grave dos rins) ou até mesmo uma sepse (infecção generalizada)!

Como vocês podem ver, a LEUCOCITOSE em si pode não ser doença, mas quando um resultado desses cai na mão de um médico sem caráter, pode trazer prejuízos graves para a nossa saúde! Já presenciei casos absurdos, onde um bebê de colo teve sua audição seriamente prejudicada por um antibiótico mal prescrito, e onde um senhor de idade perdeu um dos rins, entre outros casos assombrosos que conto no meu livro recentemente publicado pelo site da Amazon (Como sobreviver ao seu médico)!

Mais uma vez, ter um médico de confiança e evitar a ida a emergências é sempre a melhor saída para não ser vítima  desse golpe, principalmente se você tem plano de saúde!(Nesses casos, quanto melhor o plano de saúde, maior o perigo que a pessoa corre de ser vítima de golpe, pois as remunerações para o médico e para o hospital serão ainda maiores!)

Fuja de médicos que tratam exames e não tratam pessoas!  

Procure profissionais que te olhem no olho, examinem você e só solicitem o mínimo de exames necessários e indispensáveis!

Nesse hospital onde pude presenciar essa prática criminosa, vejo os médicos cada vez mais ricos e os pacientes perdendo mais e mais a sua saúde, por isso, não posso me calar diante de tanta corrupção! Eles sequer têm medo de serem pegos ou denunciados, pois sabem que não existem provas dos crimes que cometem! As pessoas precisam, mais uma vez, acordar!

Muito obrigado, 
Dr. Renato Paula da Silva.






Comentários

MAIS VISITADAS